Tempo para ficar disponível

Tempo para ficar disponível

Onde obter esse comandante:

Onde obter esse comandante:

  • Roda da Fortuna

  • Oferta Especial Diária

  • Rei das Cartas

  • Desejos do Coração (Kvk Era da Conquista)

  • Taberna Lendária (Kvk Era da Conquista)

Onde obter esse comandante:

  • Roda da Fortuna

  • Oferta Especial Diária

  • Rei das Cartas

  • Desejos do Coração (Kvk Era da Conquista)

  • Taberna Lendária (Kvk Era da Conquista)

  • Roda da Fortuna

  • Oferta Especial Diária

  • Rei das Cartas

  • Desejos do Coração (Kvk Era da Conquista)

  • Taberna Lendária (Kvk Era da Conquista)

Guan Yu

Quando o comandante aparece:

Temporada da Conquista

Tempo para ficar disponível

300 dias

Geração

3ª Geração

Onde obter esse comandante:

  • Roda da Fortuna

  • Oferta Especial Diária

  • Rei das Cartas

  • Desejos do Coração (Kvk Era da Conquista)

  • Taberna Lendária (Kvk Era da Conquista)

Guan Yu

Lendário

China | Lorde da Barba Magnifica

Infantaria | Conquistando | Habilidade

<p class="font_8">Guan Yu, nome de cortesia Yunchang, foi um general servindo sob o comando do senhor da guerra Liu Bei durante o final da dinastia Han Oriental da China. Junto com Zhang Fei, ele compartilhou um relacionamento fraterno com Liu Bei e o acompanhou na maioria de suas primeiras façanhas. Guan Yu desempenhou um papel significativo nos eventos que levaram ao fim da dinastia Han e ao estabelecimento do estado de Shu Han de Liu Bei durante o período dos Três Reinos. Embora seja lembrado por sua lealdade a Liu Bei, ele também é conhecido por retribuir a bondade de Cao Cao matando Yan Liang, um general sob o comando do rival de Cao Cao, Yuan Shao, na Batalha de Boma. Depois que Liu Bei assumiu o controle da província de Yi em 214, Guan Yu permaneceu na província de Jing para governar e defender a área por cerca de sete anos. Em 219, enquanto ele estava lutando contra as forças de Cao Cao na Batalha de Fancheng, o aliado de Liu Bei, Sun Quan, quebrou a aliança Sun-Liu e enviou seu general Lü Meng para conquistar os territórios de Liu Bei na província de Jing. Quando Guan Yu descobriu sobre a perda da província de Jing após sua derrota em Fancheng, já era tarde demais. Ele foi posteriormente capturado em uma emboscada pelas forças de Sun Quan e executado.</p>
<p class="font_8"><br></p>
<p class="font_8">A vida de Guan Yu foi celebrada e suas realizações glorificadas a tal ponto após sua morte que ele foi divinizado durante a dinastia Sui. Através de gerações de histórias, culminando no romance histórico do século 14, <em>Romance of the Three Kingdoms</em>, seus atos e qualidades morais receberam imensa ênfase, tornando Guan Yu um dos paradigmas de lealdade e retidão mais populares do leste da Ásia. Ele ainda é adorado por muitos chineses hoje na China continental, Taiwan, Tibete, Hong Kong e entre muitas comunidades chinesas no exterior. Na devoção religiosa, ele é reverentemente chamado de "Divus Guan" (Guān Dì) ou "Senhor Guan" (Guān Gōng). Ele é uma divindade adorada na religião popular chinesa, no confucionismo popular, no taoísmo e no budismo chinês, e pequenos santuários dedicados a ele são quase onipresentes em lojas e restaurantes tradicionais chineses. Sua cidade natal, Yuncheng, também deu o nome dele ao aeroporto.</p>

Relíquia do museu:

Não tem

Não tem

Vídeos sobre o Comandante:

Sobre o Comandante

Guan Yu, nome de cortesia Yunchang, foi um general servindo sob o comando do senhor da guerra Liu Bei durante o final da dinastia Han Oriental da China. Junto com Zhang Fei, ele compartilhou um relacionamento fraterno com Liu Bei e o acompanhou na maioria de suas primeiras façanhas. Guan Yu desempenhou um papel significativo nos eventos que levaram ao fim da dinastia Han e ao estabelecimento do estado de Shu Han de Liu Bei durante o período dos Três Reinos. Embora seja lembrado por sua lealdade a Liu Bei, ele também é conhecido por retribuir a bondade de Cao Cao matando Yan Liang, um general sob o comando do rival de Cao Cao, Yuan Shao, na Batalha de Boma. Depois que Liu Bei assumiu o controle da província de Yi em 214, Guan Yu permaneceu na província de Jing para governar e defender a área por cerca de sete anos. Em 219, enquanto ele estava lutando contra as forças de Cao Cao na Batalha de Fancheng, o aliado de Liu Bei, Sun Quan, quebrou a aliança Sun-Liu e enviou seu general Lü Meng para conquistar os territórios de Liu Bei na província de Jing. Quando Guan Yu descobriu sobre a perda da província de Jing após sua derrota em Fancheng, já era tarde demais. Ele foi posteriormente capturado em uma emboscada pelas forças de Sun Quan e executado.


A vida de Guan Yu foi celebrada e suas realizações glorificadas a tal ponto após sua morte que ele foi divinizado durante a dinastia Sui. Através de gerações de histórias, culminando no romance histórico do século 14, Romance of the Three Kingdoms, seus atos e qualidades morais receberam imensa ênfase, tornando Guan Yu um dos paradigmas de lealdade e retidão mais populares do leste da Ásia. Ele ainda é adorado por muitos chineses hoje na China continental, Taiwan, Tibete, Hong Kong e entre muitas comunidades chinesas no exterior. Na devoção religiosa, ele é reverentemente chamado de "Divus Guan" (Guān Dì) ou "Senhor Guan" (Guān Gōng). Ele é uma divindade adorada na religião popular chinesa, no confucionismo popular, no taoísmo e no budismo chinês, e pequenos santuários dedicados a ele são quase onipresentes em lojas e restaurantes tradicionais chineses. Sua cidade natal, Yuncheng, também deu o nome dele ao aeroporto.

Habilidades

Santo da Guerra
Santo da Guerra

Habilidade Ativa

Requisito de Raiva:

1.000

Causa dano direto a até 3 inimigos em uma área em forma de leque e silencia esses alvos por 3 segundos (o dano causado a cada alvo será reduzido em 15% para cada inimigo adicional). Quando Guan Yu estiver servindo como comandante secundário, o Fator de Dano é reduzido.

Previa da atualização:

Fator de dano direto: 1100/1300/1500/1700/2000

Fator de Dano (Quando Comandante Secundário): 550/650/750/850/1000

Generais de Cinco Tigres
Generais de Cinco Tigres

Habilidade Passiva

Ao atacar guarnições, aumenta o dano de ataque normal. Ataques normais têm 10% de chance de reduzir o ataque de um único alvo por 3 segundos.

Previa da atualização:

Bônus de Dano de Ataque Normal: 3% / 6% / 9% / 12% / 15% 

Redução de Ataque: 10% / 15% / 20% / 25% / 30%

O Assassinato de Hua Xiong
O Assassinato de Hua Xiong

Habilidade Passiva

Aumenta o ataque e a velocidade de marcha das unidades de infantaria. Ao sair da batalha, Guan Yu cura uma porção de unidades levemente feridas.

Previa de Atualização:

Bônus de ataque de infantaria: 10% / 15% / 20% / 25% / 30% 

Bônus de Velocidade de Marcha de Infantaria: 3% / 6% / 9% / 12% / 15% 

Fator de cura: 500/600/700/800/1000

Lâmina Crescente do Dragão Verde
Lâmina Crescente do Dragão Verde

Habilidade Passiva

Quando a habilidade "Santo da Guerra" atinge apenas 1 alvo, há 50% de chance de causar dano adicional ao alvo. Quando a habilidade atinge 2 ou mais alvos, há 50% de chance de causar dano adicional ao alvo atual.

Prévia de Atualização:

Fator de dano adicional (1 alvo): 600/700/800/900/1000 

Fator de Dano Adicional (2+ Alvo): 800 / 900 / 1000 / 1200 / 1400

Viajante Solitário
Viajante Solitário

Expertise

Sempre que Guan Yu ganha um escudo, ele também aumenta seu dano de habilidade ativa em 15% por 3 segundos. Sempre que Guan Yu sai de uma estrutura, ele aumenta sua velocidade de marcha em 100% por 3 segundos.

Árvores de Talento

Arvore de Talentos para Open Field e Desfiladeiro do por do Sol

Combinação de comandantes